Protecções no Trading vs Mercados combinados

O nosso último tema desta sequência é no meu entender um dos com mais valor. Vou tentar explicar a diferença entre protecções e mercados combinados no trading. Acreditem, existe muitos traders a confundirem estes dois conceitos. E a questão é simples, será realmente a mesma coisa?

Não. Primeiro de tudo sou contra protecções no seu geral. Sempre tive a ideia que uma protecção já carrega consigo a ideia pré estabelecida de que a nossa aposta pode não ter valor. Se faço um Lay Draw porque motivo devia meter dinheiro no 0-0? Então mas se aposto contra o empate não acredito neste resultado… certo? Logo meter dinheiro dinheiro no 0-0 é estar-me a contradizer.

Muitos de vocês que seguem as minhas picks devem estar agora confusos… pois grande parte das vezes quando aposto no mercado das probabilidades “protejo” o 0-0. Mas será mesmo uma protecção? Não não é. Para mim uma protecção é uma aposta que assumimos como perdida à partida e que serve para nos “safar” em último caso. Eu disso não gosto. 007

Vamos a um exemplo recente: Roma vs Inter, a minha pick foi Back Roma + 0-0 protegido. Porque fiz isto? Havia valor nos dois mercados. No meu entender o resultado final deste jogo passava por um jogo com poucos golos ou vitória da Roma. Mas estaria eu à partida condenado em perder pelo menos uma dessas apostas? Não, mas a verdade é que aconteceu. Sempre que protejo o 0-0 é com ideia de o fechar em Livve e tentar por vezes aumentar os ganhos. O jogo da Roma acabou 0-0 e a verdade é que neste jogo o 0-0 foi uma protecção. Em live pensei em fechar o 0-0 quando a Roma carregava nos últimos 15 minutos, mas a minha análise no entanto não viu valor suficiente (e ainda bem) para fechar o 0-0 e senti que o meu Back Roma também tinha valor. Acabei por ficar “nulo” no jogo. Não sinto que tenha usado uma protecção de ínicio, mas a verdade é que no final do jogo acabou por o ser.

Resultado final: 0-0.

Outro jogo recente: Chelsea vs Everton, a pick foi Back Chelsea com 0-0 protegido. Mais uma vez acreditava num jogo com poucos golos e haver um vencedor seria o Chelsea, isto teoricamente claro. Felizmente a minha análise mais uma vez estava correcta. Por volta do minuto 75 o Chelsea carregava forte o Everton, o meu 0-0 estava-me a dar 60% de lucro e naquele momento não tinha valor, o Back Chelsea dava-me 60% de prejuízo mas tinha valor. Percebem a diferença? Estava com os mercados combinados. O que fiz? Simples, fechei aposta que já não tinha valor, o 0-0, e deixei aberta aposta que tinha valor, o back Chelsea.

Resultado final: 1-0 para o Chelsea 🙂

-> Este jogo é uma repetição de muitos. O que faço no fundo é “sugar” o valor de ambos os mercados e depois ajustar os mesmos em Livve. Este jogo do Chelsea foi assim, mas se não visse valor no Chelsea teria feito o contrário, fechava o Back Chelsea e deixava o 0-0. Agora claro, quando entro jogo nunca é esse o objectivo final. Se acontece muita vez perdermos o 0-0? Sim, acontece, no entanto não é grave visto ficarmos sempre em green caso o golo seja a nosso favor no mercado das probabilidades.

Protecções:
  •  Não fechámos aposta em nenhum momento.
  •  Acaba por reflectir falta de confiança.
  • Reduzimos sempre o nosso green caso ele aconteça.
Mercados combinados
  •  Acreditámos em várias alternativas mas sempre focados numa aposta base.
  •  Aproveitar o mercado para fechar posições.
  •  Um mercado combinado por acabar em protecção. Não é o desejado mas acontece.
  •  Por vezes o nosso green é reduzido, outras vezes é um mini “jackpot”

Em suma, creio que existe uma grande diferença entre conjugar mercados e protecções, apesar de para os mais novatos poder parecer o mesmo, acreditem não é. Isto assunto que gera sempre algumas opiniões diferentes. É a minha opinião e o conselho que deixou é muito simples, devemos sempre combinar mercados e não proteger mercados.

Já têm o nosso ebook? É grátis por tempo limitado!

Parceiros que recomendo:

Criador do PicksDazer.Com. Trader profissional desportivo. Apaixonado pelo mundo do futebol. Vasta experiência no mundo das apostas. Não vê o PicksDazer como uma comunidade, mas sim como uma família!
>